Táxis com informações em braile

wow slider by WOWSlider.com v8.6



A inclusão social é fator predominante no mundo moderno e o transporte público de passageiros precisa oferecer plenas condições para que todos possam se locomover sem dificuldades. O sistema de táxi de Porto Alegre deve passar por uma nova modificação beneficiando os deficientes visuais. No dia 15 deste mês foi aprovado o Projeto de Lei do Legislativo (PPL) nº 046/14, de autoria do vereador Márcio Bins Ely (PDT), que prevê a instalação de placa metálica no interior dos veículos informando, em braile, número do prefixo do táxi, placas do carro e nome do permissionário.

O projeto recebeu duas emendas propostas pelos vereadores, Marcelo Sgarbossa (PT) e Guilherme Socias Villella (PP). A primeira é para que sejam confeccionadas duas placas iguais, uma para ser instalada no painel em frente ao banco do carona e a segunda na porta traseira do lado direito do táxi.

Já a emenda do vereador Villela, determina que seja colocado apenas o nome do permissionário do táxi.

A placa, com as informações em braile, deverá medir 4 cm de largura e 7 cm de altura (4x7cm) e instalada no interior do veículo, de forma acessível ao toque do passageiro com deficiência visual, solucionando as dificuldade destes, principalmente caso haja esquecimento de algum pertence, discordância em relação ao valor cobrado ou do trajeto.

O presidente do Sindicato dos Taxistas de Porto Alegre (Sintáxi), Luiz Nozari, entende que o projeto do vereador Márcio Bins Ely é bem-vindo, pois facilita a identificação do táxi que está prestando o serviço para os deficientes visuais.

A única questão levantada pelo dirigente sindical diz respeito ao custo da confecção e instalação da placa metálica. “Quando o vereador nos consultou em 2014, dissemos que éramos favoráveis ao projeto e que o custo deveria ser bancado pelo poder público municipal ou alguma empresa privada através de patrocínio”, comenta Nozari.

O PLL nº 046/14 será encaminhado para a sanção do prefeito José Fortunati e publicação no Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa), o que deverá ocorrer ao longo do mês de março.